É #FAKE que princesa Salma, da Jordânia, relatou em revista ter derrubado 6 drones iranianos

A imagem não é verdadeira. Trata-se de uma montagem. Circula nas redes sociais uma publicação que mostra uma foto da princesa Salma, da Jordânia, com roupa militar e próxima de um avião, que supostamente atribui a ela a derrubada de seis drones iranianos no sábado (13). É #FAKE. g1 A imagem que mostra o ícone da revista "Emirates Woman" e o título "Princess Salma of Jordan reported to dow 6 Iranian drones overnight" não é verdadeira. Trata-se de uma montagem. A imagem falsa com a marca da revista Emirates Woman passou a circular em redes sociais a partir de sábado (13), após o lançamento de mísseis e drones pelo Irã em direção a Israel. Aeronaves da Jordânia interceptaram e derrubaram parte dos drones, assim como fizeram aeronaves de Israel, Estados Unidos e Reino Unido. A fraude usa como base uma página verdadeira da mesma revista Emirates Woman, publicada em dezembro de 2023. A página falsa adultera o título original, que dizia que a princesa Salma da Jordânia lidera iniciativa da Força Aérea para lançar suprimentos médicos em Gaza. É #FAKE publicação que diz que princesa Salma, da Jordânia, relatou ter derrubado 6 drones iranianos Reprodução EUA, França e Reino Unido: quem ajudou Israel no combate aos ataques do Irã A Jordânia, um país árabe, disse ter atuado para derrubar os mísseis iranianos porque havia risco de que os ataques caíssem sobre seu território, informou o governo em comunicado. "Houve uma avaliação de que havia um perigo real de mísseis iranianos caírem sobre a Jordânia, e as forças armadas lidaram com esse perigo. E se esse perigo viesse de Israel, a Jordânia tomaria a mesma ação", disse o ministro das Relações Exteriores da Jordânia, Ayman al-Safadi, em entrevista à televisão estatal Al-Mamlaka. É #FAKE publicação que diz que princesa Salma, da Jordânia, relatou ter derrubado 6 drones iranianos Reprodução Fato ou Fake Explica: VEJA outras checagens feitas pela equipe do FATO ou FAKE Adicione nosso número de WhatsApp +55 (21) 97305-9827 (após adicionar o número, mande uma saudação para ser inscrito)

É #FAKE que princesa Salma, da Jordânia, relatou em revista ter derrubado 6 drones iranianos

A imagem não é verdadeira. Trata-se de uma montagem. Circula nas redes sociais uma publicação que mostra uma foto da princesa Salma, da Jordânia, com roupa militar e próxima de um avião, que supostamente atribui a ela a derrubada de seis drones iranianos no sábado (13). É #FAKE. g1 A imagem que mostra o ícone da revista "Emirates Woman" e o título "Princess Salma of Jordan reported to dow 6 Iranian drones overnight" não é verdadeira. Trata-se de uma montagem. A imagem falsa com a marca da revista Emirates Woman passou a circular em redes sociais a partir de sábado (13), após o lançamento de mísseis e drones pelo Irã em direção a Israel. Aeronaves da Jordânia interceptaram e derrubaram parte dos drones, assim como fizeram aeronaves de Israel, Estados Unidos e Reino Unido. A fraude usa como base uma página verdadeira da mesma revista Emirates Woman, publicada em dezembro de 2023. A página falsa adultera o título original, que dizia que a princesa Salma da Jordânia lidera iniciativa da Força Aérea para lançar suprimentos médicos em Gaza. É #FAKE publicação que diz que princesa Salma, da Jordânia, relatou ter derrubado 6 drones iranianos Reprodução EUA, França e Reino Unido: quem ajudou Israel no combate aos ataques do Irã A Jordânia, um país árabe, disse ter atuado para derrubar os mísseis iranianos porque havia risco de que os ataques caíssem sobre seu território, informou o governo em comunicado. "Houve uma avaliação de que havia um perigo real de mísseis iranianos caírem sobre a Jordânia, e as forças armadas lidaram com esse perigo. E se esse perigo viesse de Israel, a Jordânia tomaria a mesma ação", disse o ministro das Relações Exteriores da Jordânia, Ayman al-Safadi, em entrevista à televisão estatal Al-Mamlaka. É #FAKE publicação que diz que princesa Salma, da Jordânia, relatou ter derrubado 6 drones iranianos Reprodução Fato ou Fake Explica: VEJA outras checagens feitas pela equipe do FATO ou FAKE Adicione nosso número de WhatsApp +55 (21) 97305-9827 (após adicionar o número, mande uma saudação para ser inscrito)